Descubra o melhor combustível para o seu carro

Independente do uso e do tipo de veículo, sem sombra de dúvidas, o combustível é o principal elemento para a geração de energia. Muitos são os seus tipos e classificações, por isso mesmo, que além dar vida para o nosso veículo, também gera muitos mitos e perguntas sem respostas para a maioria dos motoristas. Descubra as principais diferenças entre os combustíveis e qual escolher para o seu carro.

É importante você saber que a gasolina comum e a gasolina aditivada não são tão diferentes assim. A aditivada recebe detergentes com a finalidade de limpar as peças internas, como por exemplo, cilindros, anéis e pistões, para diminuir o atrito e possíveis quebras. O motorista percebe de cara uma significativa melhora na aceleração e arrancadas.

Se você está achando que carros mais velhos não estão aptos a receber uma aditivada, você está errado. Ela é recomendada para todo e qualquer veículo, seja ele novo ou mais antigo. Por isso, se você quer melhorar o seu automóvel em alguns aspectos, não perca tempo. Cada marca possui o seu nome próprio para a aditivada e, geralmente, são nomes que remetem a um suposto aumento de potência do motor, mas vale lembrar que isso é apenas um mito.

Já a gasolina comum é aquela que sai das refinarias e é entregue para todas as distribuidoras. O maior problema da gasolina comum é que ela possui enxofre que serve apenas para contaminar o combustível e detonar o seu carro. Claro que você precisa saber que todas as gasolinas recebem uma cota de 25% de álcool, conforme determinação da ANP (Agência Nacional de Petróleo, Gás e Biocombustíveis).

Mas isso acontece porque o etanol e a gasolina juntos liberam menos dióxido de carbono e, em consequência, são menos agressivos ao meio ambiente. Além disso, o etanol, em doses corretas, funciona como antidetonante, aumentando a octanagem. Octanagem é a capacidade da gasolina suportar altas temperaturas e pressões dentro da câmara de combustão, fazendo que o motor consiga atingir uma alta pressão, melhorando o desempenho do veículo.

Então o etanol misturado com a gasolina comum vai aumentar a octanagem do meu carro? Não! Em muitos postos do nosso país, temos a conhecida e temida: gasolina batizada, que nada mais é do que uma gasolina com solventes de péssima qualidade que prejudicam o funcionamento do carro, o etanol, em excesso, é um deles. Para evitar cair em uma armadilha como essa, procure sempre marcas que possuem um controle de qualidade consistente.

Agora que você já percebeu que a aditivada é uma gasolina comum com detergentes de limpeza, podemos te explicar sobre a gasolina Premium. A primeira coisa que você precisa saber é que não estamos tratando sobre uma gasolina pura, ela também recebe o etanol em seus 25%. Mas, o seu IAD (Índice Antidetonante) é próximo de 95, ou seja, possui um maior poder antideterioração.

O carro que vai se beneficiar no uso da gasolina Premium deverá ter uma taxa de compressão 10:1. Isso significa que o veículo deverá ter capacidade de comprimir a gasolina em 10 vezes dentro da câmara de compressão. Por isso, não adianta ter um Porsche Panamera e abastecer com o Premium se ele não tiver uma taxa de compressão mínima de 10:1.

Outro combustível que já foi importante é o etanol, apesar de pouco uso hoje em dia, o etanol foi um dos combustíveis mais usados no Brasil. Recentemente, perdeu o espaço para a gasolina e o GNV (Gás Natural Veicular). O etanol pode ser usado nos veículos de três formas: etanol hidratado, aditivado e o misturado com gasolina.

O último combustível ainda não tornou-se tão popular como prometeu ao surgir. Segundo a Associação Brasileira de Gás Canalizados, o GNV é o combustível mais econômico do país e permite o veículo percorrer cerca de 177 km com apenas 30 reais. Já com o mesmo valor em gasolina e álcool, o veículo percorre 84 km e 77 km, respectivamente. A dica número um para o motorista que optar pelo GNV é: procure uma oficina credenciada e prepara-se para arcar com o custo nada singelo. Vale lembrar que o GNV não é encontrado em todos os postos.

Agora você já sabe qual é a melhor opção para você e para o seu carro. O melhor combustível é aquele que não prejudica o seu carro, economiza o seu bolso e não destrói o meio ambiente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *